Traduzir

17 julho 2017

Tiago Valadão venceu o 9º Rali Ilha Graciosa e organização começa já a pensar na 10ª edição

Tiago Valadão, em Citroen Saxo Cup, foi o vencedor do 9º Rali Ilha Graciosa, ao fazer o melhor tempo de 26 minutos e 55 segundos. No 2º lugar ficou Paulo Santos e em 3º Ricardo Vieira.
O piloto terceirense beneficiou também da desistência de outros pilotos, candidatos à vitória, principalmente Cláudio Bettencourt (2ª PE) e  Pedro Lança (6ªPE), que desistiram por avaria, quando estavam na liderança da prova.
Tiago Valadão disse que "vencer o rali é sempre motivo para ficar muito feliz". Trata-se da sua primeira vitória num rali da Graciosa, sendo que numa outra edição já tinha conseguido um lugar no pódio, num rali em que faz sempre questão de participar.
Quanto às equipas graciosenses, o estreante Jorge Pinto foi o melhor, tendo terminado a prova em 16º lugar da geral. Alexandre Mendonça andou rápido, mas foi prejudicado por uma penalização, na noite da Super Especial Vila de Santa Cruz. Cesar Bettencourt e Mateus Bettencourt desistiram por avaria, mas Avelino Coutinho conseguiu terminar o rali.
Das 36 equipas inscritas, terminaram o rali 22 equipas, sendo de destacar 3 despistes, entre o grande número de desistências.

O Rali Ilha Graciosa traz sempre muitos visitantes à ilha e esse é um dos motivos que leva a organização a prosseguir com o evento organizado pelo Terceira Automóvel Clube, em colaboração com a Associação Graciosense de Promoção de Eventos.
Ana Isa Cabral, presidente do TAC disse que é uma aposta para manter.

Tiago Carvalho, membro da Agraprome, fez um balanço muito positivo do evento, a que os graciosenses nunca faltam e acolhem como ninguém.
Em entrevista à Rádio Graciosa, Tiago Carvalho anunciou que estão a pensar num rali especial para assinalar os 10 anos do Rali Ilha Graciosa, a celebrar em 2018.








Twitter Facebook Favorites More